Noticias

Loading...

quarta-feira, 26 de maio de 2010

Rússia planeja Ka-58 "Black Ghost" o helicóptero ’stealth’ de 5ª geração


A proposta conceito da fabricante Kamov para um helicóptero stealth é o Ka-58 "Black Ghost"

Rússia planeja desenvolver helicóptero ’stealth’ de 5ª geração

A fabricante Russian Helicopters está planejando desenvolver o primeiro helicópero de combate de quinta-geração, o qual analistas dizem que poderia se capaz de atacar caças a jato e ser invisível aos radares, disse o jornal diário Gazeta nessa quinta-feira.

“Nós estamos trabalhando no conceito de um helicóptero de combate de quinta-geração,” conforme informou o CEO, Andrei Shibitov, numa conferência de imprensa realizada em Moscou.

Shibitov não especificou as características do helicóptero, mas disse que a companhia está avaliando investir cerca de US$ 1 bilhão no projeto, com mais investimentos que deverão ser alocados do orçamento do estado.

O CEO disse que o escritório de projetos Mil vem trabalhando num modelo de rotor clássico, o qual apresenta um grande rotor principal e um rotor auxiliar menor, enquanto os projetistas da Kamov estão desenvolvendo um modelo de rotores coaxiais.
Analistas militares acreditam que o modelo de rotores coaxiais é mais estável e fácil de operar enquanto que o modelo clássico é mais confiável e possui um alto nível de sobrevivência no campo de batalha.

O primeiro vice-chefe da Academia Russa de Assuntos Geopolíticos, Konstantin Sivkov, disse ao jornal que os helicópteros de combate de quinta-geração nunca foram fabricados antes, embora os Estados Unidos tenham trabalhado num projeto similar anteriormente.

Ele disse que o helicóptero de combate de quinta-geração deverá ter uma baixa assinatura radar, uma alta redução no ruído, um alcance de voo extendido, ser equipado com um sistema de controle de armas computadorizado, ter habilidade de combate contra jatos de combate (os helicópteros existentes geralmente apenas possuem capacidade de ataque a alvos terrestres) e alcançar uma velocidade de até 500-600 km/h (310-370 mph).

O projeto não poderá prosseguir, todavia, sem o apoio do governo.

“Se o governo não assinar um contrato, a idéia não sairá do papel,” disse o chefe da Academia Russa de Assuntos Geopolíticos, Leonid Ivashov, ao jornal Gazeta.

Ivashov disse que com investimentos suficientes e boa organização o novo helicóptero poderia ser fabricado dentro de cinco anos. No entanto, said that with sufficient investment and good organization the new helicopter could be built within five years. Caso contrário, o projeto poderá se arrastar por 20 ou 30 anos.

Mas ele foi um pouco cético sobre as chances de realização do projecto.

“Nós temos tentado resolver tudo – caças de quinta-geração, helicópteros de quinta-geração, mas nada disso tem sido fornecido ao exército – mas atualmente o exército ainda utiliza helicópteros produzidos na década de 70,” disse Ivashov.

O principal helicóptero de combate da Rússia, o Mi-24 Hind, é um helicóptero de terceira geração, e os poucos Mi-28 Havoc, Ka-50 e Ka-52 Hokum, os quais apenas começaram a ser entregues ao exército russo, são helicópteros de quarta-geração.

Nenhum comentário: